Descarrega

Distància

11,55 km

Desnivell positiu

386 m

Dificultat tècnica

Moderat

Desnivell negatiu

386 m

Altitud màxima

366 m

Trailrank

77 4,7

Altitud mínima

14 m

Tipus de ruta

Circular

Coordenades

2530

Data de pujada

17 de gener de 2021

Data de realització

de gener 2021
  • Valoració

     
  • informació

     
  • Fàcil de seguir

     
  • Entorn

     
Sigues el primer a aplaudir
4 comentaris
 
Comparteix
-
-
366 m
14 m
11,55 km

Vista 694 vegades, descarregada 16 vegades

a prop de Melres, Porto (Portugal)

VÊ AS NOSSAS FOTOS PARA INSPIRAR A TUA PRÓXIMA AVENTURA
Never Stop Exploring
Caminhantes, trails to inspire your next adventure



PARQUE DAS SERRAS DO PORTO

O Parque das Serras do Porto, com perto de 6.000 hectares, é composto por seis serras: Santa Justa, Pias, Castiçal, Santa Iria, Flores e Banjas, abrangendo território dos municípios de Gondomar, Paredes e Valongo. Esta área, classificada desde 2017, como Paisagem Protegida Regional, integra o Sítio Rede Natura “Valongo” e o Parque Paleozóico de Valongo. Aqui, os visitantes podem desfrutar da imensa beleza cultural e paisagística de serras, vales e rios, salientando-se a singularidade geológica, que nos leva a uma interessante viagem pela Era Paleozoica.

Os vales dos rios Ferreira e Sousa convidam a um certo isolamento em estreito contacto com a natureza, enquanto o efeito miradouro das linhas de cumeada proporciona uma excelente perspetiva do território envolvente. Atualmente, o Parque das Serras do Porto tem três centros de receção ao visitante com informação útil sobre o Parque (Visitar Página oficial).



TRILHOS DAS SERRAS DO PORTO

O Parque está, desde setembro de 2020, a criar uma Rede de Percursos Pedestres que irá ligar os vários trilhos e sinalizar o seu património biológico, geológico, arqueológico, imaterial e construído. São quase 260 km de trilhos para calcorrear por terras de Gondomar, Paredes e Valongo. A rede será composta por uma grande rota, que deverá totalizar 57km ao longo dos três concelhos, e 19 percursos distintos, com pequenas rotas em cada território que deverá estar finalizada na Primavera de 2021. O projeto prevê a instalação de mobiliário, sinalética e uma página web para ajudar quem fizer os percursos, fornecendo informação sobre o território e os pontos de interesse. Enquanto aguardamos a conclusão do projeto começamos a percorrer os trilhos previstos, naquilo que podemos chamar de uma versão de reconhecimento, para inspirar a tua próxima aventura pelo Parque das Serras do Porto…


DESCRIÇÃO DO TRILHO REALIZADO
PR - TRILHO DA CARQUEJA (SERRA DAS BANJAS)


O trilho percorre a Serra das Banjas, que com uma altitude de 371 metros é a 2655º elevação de Portugal Continental. Está situada no concelho de Gondomar, a oeste da Serra da Lousada, a norte de Melres e ao sul da Sobreira. Neste percurso é possível o contacto com a natureza, com destaque para a Gruta das Banjas e o desfrute da paisagem envolvente, bem como o contacto com a zona ribeirinha de Melres. O percurso, nas zonas mais altas, é realizado predominantemente por caminho florestal, onde predominam os eucaliptos e nas zonas mais baixas, por caminhos agrícolas e residenciais. Aconselha-se o uso de GPS, os referidos trilhos estão em fase de implementação e não encontramos sinalética suficiente e inequívoca do trilho que seguíamos, podendo levar a erros de orientação no terreno, principalmente nos aglomerados habitacionais.

Iniciamos o trilho em Melres, no Parque de Estacionamento da Praia e Igreja, não sabemos se será o local oficial de inicio e fim deste trilho, mas aqui encontramos um amplo estacionamento e serviços de apoio. No local não encontramos qualquer painel informativo ou sinalética do percurso. Na ausência de informação e de marcações no terreno realizamos o trilho no sentido dos ponteiros do relógio.



Depois de visitar a Igreja Matriz de Melres, templo remodelado no século XIX, apresenta, no interior, imagens e pinturas de santos com algum interesse, seguimos para norte pela Rua do Montezelo, até à Marina de Melres. O percurso continua por mais 400 metros pela Rua de Montezelo para depois seguir à direita por um caminho de pé posto, onde encontramos a primeira sinalização deste PR. Atravessamos a EN108 pelo viaduto e o caminho de pé posto interseta de seguida a ingreme Rua das Forcadas.

Subimos a Rua das Forcadas que desemboca no amplo caminho florestal que sobe a serra em direção a Santa Iria, sem atingir o seu cume (416m), aos 268 metros de altitude, rodamos à direita em direção a sudeste até atingir a linha da cumeada onde interseta a GR. O trilho continua por amplo caminho florestal, onde predominam os eucaliptos e as panorâmicas envolventes, com destaque para o curso do Rio Douro encaixado no vale.

Seguimos sem perda possível o amplo caminho florestal até ao ponto culminante do percurso, a Gruta das Banjas. A Gruta das Banjas não é mais do que uma antiga mina de ouro escavada a pulso pelos nossos antepassados. Este local é perigoso porque a gruta não está vedada e é um grande buraco no solo com uma profundidade que impõem respeito. Para visitar a gruta é necessário fazer um pequeno desvio do trilho (400m ida e volta), mas vale a pena entrar na gruta. Aconselha-se o uso de lanterna pelo perigo de escorregar ou bater com a cabeça no teto da gruta.



Depois de entrar na gruta, voltamos ao PR e seguimos para o Alto da Serra das Banjas onde as panorâmicas envolventes são soberbas, é visível S. Domingos da Serra, a Foz do Rio Arda (na freguesia de Pedorido), a Foz do Rio Mau (na freguesia de Rio Mau), a freguesia de Melres, com destaque para o curso do Rio Douro atestando bem a dureza dos seus contornos tortuosos encaixados nos profundos vales. A derivação por via popular do seu nome sugere romanticamente uma ligação a "Rio de Ouro (D'ouro)", mas tal não tem qualquer aderência histórica.

Agora, atingido o ponto mais alto deste percurso, iniciamos a descida da serra, inicialmente para sudeste por caminho florestal e depois por um troço de caminho de pé posto onde predomina a vegetação rasteira de carqueja e urze até rodar para sudoeste em direção ao pequeno lugar de Vilarinho.



Atravessamos o lugar e seguimos por caminho agrícola com vegetação diversificada de carvalhos e pinheiro bravo, cruzamos a pequena linha de água do Ribeiro de Mirões e logo de seguida subimos à Rua da Presas que seguimos em direção à Igreja de Melres, local de início e término deste percurso.


FICHA TÉCNICA
Realização: 17 de janeiro de 2021
Percurso: Melres (Parque da Praia e Igreja) - Gruta das Banjas - Serra das Banjas - Vilarinho - Melres
Distancia: 11 km
Duração: 3h02min
Tempo em movimento: 2h15min
Tempo parado: 0h47min
Movimento médio: 5,0km/h
Acumulado positivo: 459m
Acumulado negativo: 458m



TRILHOS JÁ REALIZADOS NO PARQUE DAS SERRAS DO PORTO

MUNICÍPIO DE GONDOMAR
TRILHO DA SERRA DO CASTIÇAL
TRILHO DO VOLFRÂMIO - SERRA DAS FLORES
TRILHO DA CARQUEJA - SERRA DAS BANJAS
TRILHO DE BELÓI - ALTO DA PENECA

MUNICÍPIO DE PAREDES
TRILHO HISTÓRICO - SERRA DE SANTA IRIA
TRILHO DO VALE DO TORNO - SERRA DO CASTIÇAL
TRILHO DA RIBEIRA DE SANTA COMBA
TRILHO DE ALVRE
TRILHO DOS MOINHOS
TRILHO DE PIAS E CASTIÇAL
TRILHO DO MEL E DO OURO ROMANO

MUNICÍPIO DE VALONGO
TRILHO DO CASTELO+CORREDOR ECOLÓGICO+ROMANOS





Se gosta das nossas trilhas adiciona a tua avaliação no final da página.
Obrigado pelo seu comentário e avaliação.

Si te gusta nuestras rutas haz tu propia valoración al final de la página.
Gracias por tu comentario y valoración.

If you like our trails, leave your own review at the end of the page.
Thank you for your comment and review.

A equipa Caminhantes
Punt d'interès

INÍCIO/FIM (MELRES) PARQUE ESTACIONAMENTO DA PRAIA E IGREJA

Punt d'interès

IGREJA DE MELRES

Punt d'interès

MARINA DE MELRES

Punt d'interès

MINA DE ÁGUA

Punt d'interès

17 Jan 15:08pnrio

Punt d'interès

INTERSEÇÃO GR

Punt d'interès

DESVIO GRUTA DAS BANJAS

Punt d'interès

GRUTA DAS BANJAS (ENTRADA)

Punt d'interès

GRUTA DAS BANJAS (GALERIA)

Punt d'interès

PANORAMA RIO DOURO

Punt d'interès

ALTO DAS BANJAS

Punt d'interès

LINHA DE ÁGUA

Punt d'interès

PANORAMA SÃO DOMINGOS

Punt d'interès

VILARINHO

Punt d'interès

RIBEIRO DE MIRÕES

4 comentaris

  • Foto de Hélio Videira

    Hélio Videira 20 de març 2021

    He fet aquesta ruta  veure detalls

    É necessário o GPS para fazer o trilho, ainda andamos a cortar mato para não voltar atrás. Nada de grave :)
    Há uma parte que gostamos muito, é em trilho de pé posto e andamos rodeados de vegetação violeta!
    As vistas sobre o rio Douro são muito bonitas.

  • Foto de Caminhantes

    Caminhantes 20 de març 2021

    Olá Hélio Videira!
    Estamos de acordo, é necessário uso de GPS, os trilhos estão em fase de implementação e não encontramos sinalética suficiente e inequívoca do trilho que seguíamos.
    Obrigado pelo comentário e avaliação da trilha. Saudações.

  • Foto de PicosAlpinos

    PicosAlpinos 25 de maig 2021

    He fet aquesta ruta  veure detalls

    Trilho com magnificas panorâmicas.
    Recomendo o desvio até às Gruta das Banjas, antiga mina de ouro a céu aberto.

  • Foto de Caminhantes

    Caminhantes 25 de maig 2021

    Obrigado pelo comentário e avaliação da trilha. Boas caminhadas.

Si vols, pots o aquesta ruta.