Temps  7 hores 31 minuts

Coordenades 1843

Data de pujada 17 / d’abril / 2017

Data de realització d’abril 2017

  • valoració

     
  • informació

     
  • Fàcil de seguir

     
  • Entorn

     
-
-
1.245 m
664 m
0
3,7
7,3
14,63 km

Vista 789 vegades, descarregada 20 vegades

a prop de Bostelinhos, Viana do Castelo (Portugal)

Este percurso podia muito bem ter o nome de trilho do Ramiscal. Há até um PR ( pequena rota ), com esse nome, mas o rio avista-se muito de longe e já na sua fase " envelhecida", quase a mudar de nome para rio Cabreiro. Este, atravessa o rio Ramiscal ! E um trilho novo, que se deve ao MAKA. Fui com ele à Colmadela, tirou fotos, viu, cheirou e disse - vai ser por aqui ! Ele tem a vantagem de ter olho de falcão e meios tão sofisticados como a NASA ! Não é um trilho com início e fim no mesmo local, pois seria muito extenso. Parte de Bostelinhos e até Bostejões ou Bostochão, é muito parecido com um troço do GR de travessia da serra. A partir da branda de Bostejões, sobe à chã do Brialho, continua pela calçada dos Bicos até à zona dos Três Bicos, onde está mais uma branda de gado. Depois, é aventura pura e simples até à travessia do rio Ramiscal, onde o carreiro nos leva a atravessar mais duas linhas de água. Segue-se a parte mais difícil do percurso, a subida da íngreme encosta da Colmadela, que forma a margem direita, mas que é muito inclinada, e portanto não é para todos. Conforme se sobe, vamos vendo o serpentear do rio, na sua fase selvagem. Na rechã onde a trepada termina, há que desfrutar da paisagem e são vários os itinerários que podemos tomar, mar o melhor será continuar até ao fojo do lobo do Germil, fugindo às corgas, ainda no arredondado cabeço da Colmadela. Para encurtar percurso, uma vez que a subida da Colmadela foi penosa, fugimos quer à branda do Arieiro, quer à da Cerradinha, fazendo a travessia do regato do Porto Cavado, num dos locais por nós denominado - passagem do azevinho. Depois da travessia, galgamos uma pequena encosta sob um denso giestal, e rumamos à Chão do Abade, onde nos abastecemos de água. A partir daqui, foi cortar caminho até às Alminhas do Couço. Esta chã do Couço, está agora embelezada com um parque de merendas e uma evocação à vaca cachena, também conhecida por cabreira ou barrosã anã.

Cartografia - Folhas do IGE 8,9 e 16 - escala 1/25.000

Pontos com interesse:
1. - as brandas de gado de Curdifeito, Bostejões, Bicos, Cerradinha, com as suas
cabanas ( cortelhos ou cardenhas) e as bezerreiras.
2 . - Fojo do lobo do Germil, fojo de paredes convergentes, que nos tráS à memória a
luta das gentes da serra, para proteger os rebanhos.
3. - A calçada dos Bicos, que fazem parte de um dos itinerários percorridos pelos
romeiros a caminho do Santuário da Srª. da Peneda.
4. - Os diversos miradouros naturais que nos mostram os vários locais da serra, em
especial o a zona da Colmadela, que nos mostra a cabeceira do rio Ramiscal,
muito perto do planalto da Seida.

Nota importante:
A encosta da Colmadela é muito íngreme e não é para todos, Impensável, fazê-la em dias de chuva ou neve. O trilho não é sinalizado e pode haver dificuldades na descida dos 3 Bicos até às primeiras linhas de água, antes da travessia do Ramiscal.


Distância real - 15,4 km.
Tempo de marcha - 05H20
panoràmica

Vista para Bostejões

vista para Bostejões
Riu

travessia do regato Bostelinhos

travessia do regato Bostelinhos
Ruïnes arqueològiques

branda de Bostejões

branda de Bostejões
refugi lliure

cabana do Brialho

cabana do Brialho
panoràmica

miradouro perto da calçada dos Bicos

miradouro perto da calçada dos Bicos
panoràmica

vista para Ramiscal

vista para Ramiscal
panoràmica

vista para branda dos Bicos

vista para a branda dos Bicos
Riu

travessia

travessia
Riu

travessia

travessia
Ruïnes

cabana

cabana
Riu

travessia Ramiscal

travessia Ramiscal
Ruïnes arqueològiques

Fojo do lobo do Sistelo

Fojo do lobo do Sistelo
Riu

travessia rib. Porto Cavado

travessia rib. Porto Cavado
panoràmica

vista para branda da Cerradinha

vista para a branda da Cerradinha
refugi

cabana da Chã do Abade

cabana da Chã do Abade
arbre

bosque misto

bosque misto
Picnic

Chã do Couço

Chã do Couço

2 comentaris

  • Foto de Makca

    Makca 17/04/2017

    Obrigado Truka por me aturares nestas "aventuras", sem ti isto não tinha a mesma alegria. Aquilo do olho de falcão e meios da NASA, é um bocado forte..., Heheeeee!

  • Foto de PARAQ

    PARAQ 18/04/2017

    O Maka anda a ver se nos deixa pelo caminho. Temos de ser duros!!!!

Si vols, pots o aquesta ruta.