-
-
779 m
157 m
0
6,8
14
27,39 km

Vista 1355 vegades, descarregada 31 vegades

a prop de Trancoso, Aveiro (Portugal)

ficha técnica:
Percurso: GR28 por montes e vales de Arouca (dividido em 4 dias, quarto e ultimo dia)
Local: Arouca
Partida/Chegada: Alvarenga / Arouca
Âmbito: Cultural, Paisagístico, ambiental
Tipo de percurso: Grande rota, circular
Sinalização: boa mas com algumas falhas
Pontos de agua:sim nas aldeias
Distancia percorrida: 27 km
Duração do percurso: -+10 H (inclui travessia do ria Paiva)
Grau de dificuldade: difícil
Exposição Solar: alto
Pontos de Interesse: Alvarenga, Lourido, Canelas, Aldeia de Baixo , Aldeia de Cima,
Camarao de cima, N. Sra da Mo e Arouca


IMPORTANTE

Ter em especial atenção no inverno:
Não aconselho a realizar este percurso no inverno
Atenção as marcas de tinta,no inverno a neve pode esconder as marcas
A neve pode bloquear a passagem, especialmente em zonas altas
Com nevoeiro não faça o percurso

Recomendações a considerar em caminhadas
Prestar atenção a dificuldade do percurso indicado. Alguns dos percursos apresentados como pequena rota (PR) como os de grande rota (GR) podem ter alguma dificuldade, ou grandes desníveis, terreno irregulares e rochoso, ou porque ainda inclui etapas perigosas ou difíceis.

Nunca faça percursos sozinho, mas sim de preferência em grupo. Antes de iniciar o percurso avise no seu local de alojamento, em abrigos ou familiares, o itinerário e a hora prevista da viagem. pode deixar, ainda, uma nota sobre o assunto no painel do seu carro, visível do exterior.

Leve roupas adequadas as condições atmosféricas e uma protecção da chuva, pode ser surpreendido a qualquer momento.
Use calcado para caminhadas ou montanhismo (trekking/mountaineering)
No inverno, use roupas adequadas para ambientes frios.

Leve agua necessária para as condições atmosféricas ja que no verão e no outono poderá falhar. Além disso, a água podera não ser tratada mesmo nas aldeias.
É conveniente levar pastilhas desinfectantes para o caso de falhar a agua que levou.

O nevoeiro e pior inimigo nas montanhas, onde o nevoeiro pode aparecer subitamente.
Mesmo que conheça a área é melhor procurar um abrigo/refúgio antes que perca a visibilidade.
Em caso de se perder, é melhor procurar um abrigo/refugio mais próximo e esperar por salvamento.
A cobertura telefónica móvel na montanha poderá ser limitada ou mesmo inexistente.

Veure més external

4 comentaris

  • Foto de npena

    npena 10/06/2013

    Olá!! :)

    Grande percurso!!! :)

    Umas questões!!! :)

    Foi realizado em 4 dias? E onde dormiram? Quantas pessoas eram? :)

  • Foto de manuel-silva

    manuel-silva 10/06/2013

    ola
    sim foi em 4 dias , fomos 5
    primeira noite dormimos no parque de campismo do Merujal
    segunda noite dormimos em Covelo de Paivo na casa paroquial
    terceira noite dormimos em Alvarenga na residencial silva
    ter em atenção que parte do percurso esta encoberta pela vegetação em especial ao pé do rio paiva devido a utilizarem cada vês mais do desvio por Espiunca (ponte).

    se tiverem mais alguma questão ,perguntem

  • Foto de Jose A T P Lima

    Jose A T P Lima 09/08/2013

    Olá Manuel Silva:
    Já fiz esta Grande Rota, que é lindíssima, e sei também que o local mais difícil foi, chegar ao rio Paiva e depois a sua travessia, apesar de termos um caiaque à nossa espera. A minha curiosidade é mesmo essa, como atravessaram o Rio Paiva?
    Abraço

  • Foto de manuel-silva

    manuel-silva 10/08/2013

    boas
    o caudal estava baixo o suficiente
    para a travessia ser realizada a pé
    atravessa mos um pouco abaixo da praia fluvial do vau
    onde o ria tinha bastante areia o que facilitou a travessia
    se tiver mais alguma questão ,pergunte

Si vols, pots o aquesta ruta.