• Foto de Fabriciano | Serra dos Cocais | Santa Vitória dos Cocais
  • Foto de Fabriciano | Serra dos Cocais | Santa Vitória dos Cocais
  • Foto de Fabriciano | Serra dos Cocais | Santa Vitória dos Cocais
  • Foto de Fabriciano | Serra dos Cocais | Santa Vitória dos Cocais
  • Foto de Fabriciano | Serra dos Cocais | Santa Vitória dos Cocais
  • Foto de Fabriciano | Serra dos Cocais | Santa Vitória dos Cocais

Temps en moviment  4 hores 54 minuts

Temps  6 hores 14 minuts

Coordenades 7291

Data de pujada 29 / de desembre / 2018

Data de realització de desembre 2018

-
-
959 m
244 m
0
12
24
47,96 km

Vista 43 vegades, descarregada 4 vegades

a prop de Morro Padre Rocha, Minas Gerais (Brazil)

Trilha excelente com paisagens muito bonitas. Já no início do portal da entrada do "Parque da Serra do Cocais" você já tem ideia de como será. Pode ser visto pelo mapa de altimetria que inicialmente sobe seis quilômetros por quase 900 metros de ganho de altitude. Tem que ter pernas para subir tudo sem botar o pé no chão. O terreno varia bastante ao longo da subida, desde cascalho solto com um material parecido com escória de aciária até terra batida e as vezes muito úmida, chegando a ser molhada e escorregadia mesmo. Deve se tomar um certo cuidado tanto na subida quanto na descida na curva que tem em frente ao posto da Copasa, fácil de ser visualizado. A curva é muito acentuada e esburacada. Sem contar que existem fluxo de veículos subindo e descendo o tempo inteiro, inclusive ônibus.

Chegando lá em cima o visual compensa todo esforço. Na descida ter atenção para entrar logo à direita e sair da estrada em aproximadamente uns 500 metros depois do ponto mais alto da subida, entrando na trilha entre os eucaliptos.

Daí para frente fica bem fácil. Existem várias placas indicativas deixadas pelo pessoal da "Horto Bicicletas" indicando o trajeto. Pelo visto teve alguma competição nesse trajeto e tudo foi muito bem sinalizado.

Chega no final da descida em Santa Vitória dos Cocais, chamado de Cocais de Baixo (ou de Cima), não consegui identificar, mas isso não importa. Vilarejo pitoresco, com uma padaria e sempre alguém para bater um papo e te perguntarem de onde você está vindo.

Segui adiante logo a direita e fiz o contorno por trás da serra e voltei no mesmo vilarejo. No retorno passei pela estrada de acesso a cidade e não voltando pela trilha.

Na descida (aquela da primeira subida) foi mão no freio o tempo todo, pela chuva e pela neblina que tinha na estrada. Muitas motos subindo e descendo o tempo todo.

Avaliação (escala 0 - 10):
Nível técnico: 5
Preparo físico: 10
Exposição ao sol: 7 (apesar de não ter sol no dia, só chuva)

Observação: classificado como díficil pelas subidas

Comentaris

    Si vols, pots o aquesta ruta.